ago
22
2010

Série Atitude #003

Tenho para mim que um dos principais meios consiste em instruir o homem de modo que conheça a verdade de Deus. A instrução comunicada pelo evangelho é o início de toda obra verdadeira realizada na mente dos homens. “Portanto ide, ensinai todas as nações, batizando-as em nome do Pai, e do Filho, e do Espirito Santo; ensinando-as a guardar todas as coisas que eu vos tenho mandando; e eis que eu estou convosco todos os dias, até à consumação dos séculos.” O ensino começa a obra, e também coroa a mesma.

Conforme Isaías, o evangelho é: “Inclinai os vossos ouvidos, e vinde a mim; ouvi, e a vossa alma viverá”. Cabe-nos, pois, dar aos homens algo digno de sua atenção; com efeito, cabe-nos instruí-los. Somos enviados para evangelizar, ou para pregar o evangelho a toda a criatura; e isto não será realizado, a não ser que ensinemos aos homens as grandes verdades da revelação.  O evangelho é a boa noticia, boas novas. Ao ouvir alguns pregadores, tem-se a impressão de que o evangelho é uma pitada de rapé sagrado para faze-los acordar, ou uma garrafa de bebida  alcóolica para excitar-lhes a mente. Não é nada disso. É notícia. Há informação nele, ele contém instrução concernente a coisas que os homens precisam saber, e contém afirmações destinadas a dar bênçãos aos que lhes derem ouvidos. Não é um encatamento mágico, nem um feitiço cujo poder consiste numa série de ruídos; é a revelação de fatos e verdades que exigem conhecimento e fé. O evangelho é um sistema racional que apela para o entendimento dos homens; é matéria para pensar e considerar, e apela para a consciência e para a faculdade de reflexão.

Daí, se não ensinarmos alguma coisa aos homens, ainda que gritemos: “Creiam! Creiam! Creiam!”, não terão nada em crer. Cada exortação requer uma instrução correspondente, ou do contrário não terá sentido. “Fujam!” De que? A resposta a esta pergunta é a doutrina da punição imposta ao pecado. “Corram!” Mas, para onde? É preciso aqui pregar a Cristo e suas feridas; sim, e que se exponha a límpida doutrina da expiação mediante o sacrifício. “Arrependam-se!” De que? Aqui é necessário responder a perguntas como estas: que é pecado? Qual é o mal do pecado? Quais são as consequências do pecado? “Convertam-se!” Mas, que é converte-se? Que força pode converter-nos? De que? A que? O Campo de ensinamentos a ministrar é amplo, se se quer que os homens conheçam a verdade que salva. “Ficar a alma sem conhecimento não é bom”, e a nós compete,  como instrumentos de Deus, fazer que os homens conheçam a verdade de tal modo que creiam nela e sintam o seu poder. Não temos que tentar salvar os homens no escuro, mas no poder do Espírito Santo devemos procurar convertê-los das trevas à luz.

E não pensem, caros amigos, ao participarem de reuniões de avivamento, ou de campanhas de evangelização, que deverão deixar de lado as doutrinas do evangelho; pois é justamente quando mais (e não menos) deverão proclamar as doutrinas da graça. Ensinem as doutrinas do evangelho com clareza, amor, simplicidade e franqueza, particularmente aquelas verdades que, num sentido prático e atual, ligam-se à condição do homem e à graça de Deus. Alguns entusiastas parecem ter absolvido a noção de que, quando um ministro se dirige aos incrédulos, deve deliberadamente contradizer os seus costumeiros discursos doutrinários, porque se supõe que não haverá conversões se ele pregar todo o conselho de Deus.  A conclusão é, irmãos, que se supõe que devemos encobrir  verdade e proclamar algo meio falso afim de poder salvar alguns.

Quer dizer que ao povo de Deus devemos falar a verdade, porque não aceitará ouvir outra coisa, mas devemos seduzir os pecadores à fé exagerando uma parte da verdade e ocultando o restante até ocasião mais propícia. É uma teoria entranha e, não obstante, muitos a endossam. Segundo eles, podemos apregoar ao povo de Deus a redenção de um grupo escolhido, mas nossa doutrina para os do mundo deve ser a da redenção universal. Devemos dizer aos crentes que a salvação é totalmente pela graça, mas aos pecadores falar como se eles pudessem operar sua própria salvação. Devemos informar os cristãos de que somente o Espirito Santo pode converter os homens, mas quando falamos com os não salvos, mal se deve mencionar Espírito. Não foi isso que aprendemos de Cristo. Outros exemplos tem agido assim. Que eles nos sirvam de sinais de alerta, não de exemplos. Aquele que nos envia com a missão de ganhar almas não nos permite inventar falsidades, nem suprimir a verdade. Sua obra pode ser realizada sem esses métodos suspeitos.

—————————————————————————————

O Conquistador de Almas, de Charles Haddon Spurgeon. PES Publicacões Evangélicas Selecionadas. 3ª Edição 1993.

Sobre o Autor: Allan K Silva

Desde a adolescência obteve inúmeras experiências na área da oração junto com sua mãe. É estudante de Teologia no Seminário da Missão JUVEP. Atua profissionalmente como Designer Gráfico e Video Designer há mais de 3 anos. É coordenador do movimento Atitude e membro da Primeira Igreja Batista do João Agripino. allan@pibja.org @allanksilva

Mais notícias

5 Comentários + Comentar

  • Anuncia o que é Verdade, pois só nela e através dela, se pode obter libertação.

    Abaixo os discursos emocionais e sensacionalistas.
    É preciso, necessário, vitalício, imprescindível o Espírito Santo.
    Cada vez menos de mim.
    Cada vez mais do Poder de Deus.

    =D

    MAIS RECARGAAA!!!!

  • Estou muito feliz com essa “ATITUDE”. Tenho me edificado muito desde comecei a ler essa série de mensagens e estou repassando aos interessados em levar o ide, a verdade nua e crua na su essência. Temos que mostrar a diferença! Agradeço imensamente a iniciativa. Deus continue abençoando!

  • O evangelho “É notícia. Há informação nele, ele contém instrução concernente a coisas que os homens precisam saber, e contém afirmações destinadas a dar bênçãos aos que lhes derem ouvidos”

    É isso aí, o Evangelho é boas novas, que devem ser anunciadas..Isso inclui : o pecado, a cruz, a salvação, santificação, juizo, CRISTO.Não podemos omitir nada.. ” O Evangelho todo para o homem todo”

    Abraços

  • ADVERTÊNCIA AOS LOBOS QUE SE TRAVESTEM DE CORDEIROS ENTRE CRISTÃOS
    CONSCIENTES:
    (JB.1.29)- Eis o Cordeiro de Deus que tira o pecado do mundo: (MT.15.10)- Ouvi e entendei: (JR.11.19)– Eu era como um manso cordeiro que é levado ao matadouro; porque eu não sabia que tramavam contra mim, dizendo: (MT.10.16)– Eis que eu vos envio como ovelhas para o meio de lobos; sede, portanto, prudentes como as serpentes e símplices como as pombas: (MT.7.15) – Acautelai-vos dos falsos profetas, que se vos apresentam disfarçados de ovelhas, mas por dentro são lobos roubadores; (IS.9.16) -porque os guias deste povo são enganadores, e os que por eles são dirigidos, são devorados: (1Rs.22.17) – Vi todo o Israel disperso pelos montes, como ovelhas que não tem Pastor; (SL.78.22) – porque não creram em Deus nem confiaram na sua salvação: (AP.12.11) – Então, ouvi grande voz do céu, proclamando: (OS.4.6) – O meu povo está sendo destruído porque lhe falta conhecimento; porque tu sacerdote rejeitaste o conhecimento, também eu te rejeitarei, para que não seja sacerdote diante de mim, visto que esqueceste da lei do teu Deus, também eu esquecerei de teus filhos. (1SM.2.35) – Então suscitarei para mim um sacerdote fiel, que procederá segundo o que tenho no coração e na mente, edificar-lhe-ei uma casa estável, e andará Ele diante do meu ungido para sempre. (ML.3.18)– Então vereis outra vez a diferença entre o justo e o perverso, entre o que serve a Deus e o que não serve: (MC.6.15)- É profeta como um dos profetas, (AT.15.23) – escrevendo por mão deles: (LC.17.30) – Assim será no dia em que o Filho do Homem se manifestar: (JÓ.12.16) – Com Ele está a força e a sabedoria (RM.2.6) – que retribuirá a cada um segundo o seu procedimento. (1CO.10.12) – Aquele, pois, que pensa estar em pé, veja que não caia; (JÓ.19.25) – porque eu sei que o meu redentor vive e por fim se levantará sobre a terra: (IS.44.28) – Ele é meu Pastor e cumprirá tudo que me apraz: (HB.12.25) – Tende cuidado, não recuseis ao que fala; (EZ.18.32) – porque não tenho prazer na morte de ninguém, diz o Senhor Deus. Portanto convertei e vivei. (1PE.4.8) – Acima de tudo, porém, tende amor intenso uns para com os outros; porque o amor cobre multidão de pecados.

  • O SENHOR VIU A NEFASTA LEGALIZAÇÃO DE CASAMENTOS GAYS, E, COM ELA , O RECRUDESCIMENTO DA IMORALIDADE NO MUNDO: (JB.6.65) – POR CAUSA DISTO É QUE VOS TENHO DITO:
    (SL.78.1)- Escutai povo meu, a minha lei, prestai ouvidos às palavras da minha boca:(NE.4.19)–Disse eu aos nobres, aos magistrados, e ao resto do povo:(DT.29.10)–Vós estais hoje perante o Senhor vosso Deus, os cabeças das vossas tribos, e vossos anciãos, todos os Homens de Israel: (LS.6.2/4)–Ouvi, pois, ó reis, e entendei tomai a instrução ò Juízes de toda a terra, aplicai os ouvidos, vós, que governais os povos, e que gloriais de terdes debaixo de vós muitas nações; porque de Deus vos tem sido dado o poder, e do Altíssimo a força, o qual vos perguntará pelas vossas obras, e esquadrinhará os vossos pensamentos: (2CR.19.6) – Vede o que fazeis, porque não julgais da parte do homem, e sim, da parte do Senhor, e no julgardes Ele está convosco: (CL.3.17) – E tudo o que fizerdes, seja em palavra, seja em ação, fazei-o em nome do Senhor Jesus; dando por ele graças a Deus: (NM.32.23) –Porém, se não fizerdes assim, eis que pecastes contra o Senhor, e sabei que o vosso pecado vos há de achar; (DN.9.7) – como hoje se vê:
    (IS.1.10) – Ouvi a palavra do Senhor, vós, príncipes de Sodoma, prestai ouvidos à lei do nosso Deus, povo de Gomorra;(2CO.5.19) – porque importa que compareçamos ao tribunal de Cristo, para que cada um receba segundo o bem ou o mal que tiver feito por meio do corpo: (1CO.6.18) – Fugi da impureza: Aquele que pratica a imoralidade peca contra o próprio corpo: (EC.10.32) – Quem justificará ao que peca contra a sua alma? (1CO.4.16) – Admoesto-vos, portanto, a que sejais meus imitadores; (1TS.4.4)– e que cada um de vós saiba possuir o próprio corpo em santificação e honra: (MT.26.41) – Vigiai e orai, para que não entreis em tentação; o Espírito na verdade está pronto, mas a carne é fraca: (PV.15.3) – Os olhos do Senhor estão em todo lugar contemplando os maus e os bons:(LC.6.10)–E, fitando todos ao redor, disse ao homem: (LV.18.22) – Com homem não te deitarás, como se fosse mulher; é abominação: (1CO.6.9/10) Ou não sabeis que os injustos não herdarão o reino de Deus? Não vos enganeis: Nem impuros, nem idolatras, nem adúlteros, nem efeminados, nem sodomitas; nem ladrões, nem avarentos, nem bêbados, nem maldizentes, nem roubadores herdarão o reino de Deus:

Comente

Casa Atitude

Seja mais um Parceiro Atitude escolhendo um dos planos abaixo. Durante 1 ano você estará contribuindo com o valor mensal escolhido que será destinado para o Aluguel da Casa Atitude no Bairro São José - João Pessoa/PB.

Para ajudar com R$10,00/mês durante 1 ano clique no botão abaixo:



Para ajudar com R$20,00/mês durante 1 ano clique no botão abaixo:



Para ajudar com R$50,00/mês durante 1 ano clique no botão abaixo:



Para ajudar com R$100,00/mês durante 1 ano clique no botão abaixo: